Olá Leitores do Blog da Boa Impressão 3D, tudo bem com vocês? No decorrer do ano passado e desse ano nós demonstramos para vocês as centenas de aplicações, inovadoras e lucrativas, da nossa tecnologia espalhada pelo mundo. Seja no mercado da saúde, educação, comercial, industrial, construção, etc. E toda essa versatilidade traduz diretamente em um fator muito bom, o mercado de impressoras 3D cresceu muito durante 2016. Isso é incrível, não é? Então se você pensa em investir, estudar ou ingressar nesse mercado com um equipamento novo, não deixe de ler nosso artigo abaixo!

O mercado de impressoras 3D cresceu e aponta para mais sucesso

De acordo com estudos e dados do Hardycopy Solutions da IDC, nosso o mercado de impressoras 3D cresceu 18% em 2016. Mas não só isso, o volume de vendas no mesmo período registrou um aumento de quase 30%. Incrível, não é?

Dentre esses números, a região que mais contribuiu para esse crescimento foi a Ásia, excluindo o Japão. E muito se deve ao investimento massivo da China, que usa impressoras 3D na educação em todo o país.

Além da China, a Europa como um todo (com foco em sua região central) e o Oriente Médio, foram as outras regiões que mais contribuíram para o crescimento do nosso mercado. E por incrível que pareça, a segundos os dados da IDC, a África está na frente do mercado das Américas. Muito legal, não é mesmo?

Próximos desafios para o mercado Brasileiro crescer

Empreender nas Américas não é fácil. Aqui existem adversidades políticas, econômicas, difícil exportação, limitação tecnológica em alguns setores, embargos regionais, dentre muitas outras coisas.

Contudo, as pessoas mais criativas do mundo e o melhor capital humano nascem aqui. Por isso não é raro escritores, publicitários, cientistas e vários outros profissionais se destacarem aqui e trabalharem no exterior. E esperamos que cada vez mais mentes iluminadas comecem a se destacar no Brasil, elevando a qualidade do nosso mercado.

A cada evento vemos novidades e inovações incríveis e nós, da Boa Impressão 3D queremos contribuir muito com isso. Portanto, se você quer fazer parte do mercado que cresceu muito em 2016, entre em contato conosco e saiba como adquirir seus novos equipamentos.

*imagem por WSJ

Comentários